Como a estética é afetada pela perda dentária

Como a estética é afetada pela perda dentária

Quem já perdeu um dente sabe a falta que este lhe faz e como um único dente pode ser responsável por mudar o nosso comportamento, uma vez que afeta a nossa estética. Talvez o primeiro pensamento de quem acabou de passar pela perda de um dente (seja por falta de cuidados ou por algum acidente ou doença), seja: “Não faz mal, ainda me restam vários dentes. A falta de um não é motivo de preocupação”. Ou ainda: “Falta-me um dente – mas consigo esconder o buraco ao falar meio de lado ou quando sorrir coloco a mão à frente da boca”.

São estas algumas das situações mais comuns quando temos a falta de um dente.

Se já vivenciou alguma delas, ou conhece alguém que está numa destas situações, vai querer continuar a ler.

Com o passar dos dias, passado o susto da perda do dente, a questão estética é o primeiro fator que a perda dentária influencia. Cada vez que nos olhamos ao espelho e sentimos estranheza com a imagem que vemos, sentimos desconforto com o nosso reflexo, a falta do dente mexe com a nossa autoestima. Sentimo-nos envergonhados por ter uma falha que deixa o nosso sorriso menos bonito e harmonioso como antes. E ainda temos os curiosos a notar que algo em nós mudou e a encher-nos de perguntas sobre a falta do dito dente.

Então, como vimos, a questão estética sofre grande impacto quando o nosso sorriso não está em dia.

Além da estética, a nossa forma de conversar também muda, pois começamos a abrir menos a boca, a expressarmo-nos de forma diferente, levamos a mão à frente da boca para que os outros não percebam que estamos com um dente em falta, etc… Para além disso, começamos a sorrir menos e, quando o fazemos, deixamos a boca fechada, num meio sorriso, evitando aquela gargalhada larga e alegre que tínhamos antes.

As nossas atitudes começam a ser conduzidas de forma a esconder a falta de dentes, a mascarar o problema e, quem sabe, a tentar acostumar-nos com a imagem que vemos no espelho.

Mas não é esse o caminho mais indicado para solucionar o problema. E explicamos isso a seguir.

A falta de um único dente, além de ter tantos impactos negativos na nossa vida, também traz consigo uma série de problemas. O espaço do dente em falta, quando não é feita uma substituição, vai causando estragos na boca toda, num efeito de “bola de neve”.

Veja esta situação para entender melhor o que acontece na nossa boca com a falta de um único dente:

– Imagine que perdeu um dente de baixo. Neste espaço, o dente de cima não tem suporte e começa a descer, pois não há um limite para parar. Depois disso, os dentes que estão ao lado também começam a movimentar-se, para preencher o vazio, desalinhando toda a estrutura dentária.

– Com estas mudanças, pode começar a sentir dor e desconforto para se alimentar, influenciando a sua nutrição, já que vai passar a evitar certos tipos de alimentos, porque se tornam difíceis de mastigar.

– No espaço do dente que perdeu, pode começar a ocorrer a perda de osso, já que a área fica mais sensível e exposta. Isso influencia o tratamento, quando decidir repor o seu dente.

– A movimentação da arcada dentária tem como consequência a oclusão dos dentes, que dificulta uma higiene oral correta. Com o passar do tempo, gengivites e outras doenças podem afetar a saúde da sua boca.

– Um dente em falta pode, ainda, causar o amolecimento dos dentes que se encontram perto da falha, já que passam a estar mais soltos e a movimentarem-se na arcada dentária.

Enfim, estes são alguns dos problemas que, para além da estética, ocorrem quando temos um dente em falta na nossa boca.

Ao fazer a reposição do dente perdido o mais rápido possível, a sua estética fica restabelecida, a função mastigatória fica preservada e evita todas as complicações decorrentes da perda dentária. E mais: o tratamento para reposição de um dente é mais simples, rápido e menos dispendioso do que quando necessita de inúmeros tratamentos para reabilitar a saúde oral por causa dos problemas que vão surgindo.

Certamente, a melhor orientação é que não se acostume com a situação da falta de um dente e procure ajuda profissional o quanto antes. O seu médico dentista de confiança sabe qual o melhor tratamento para o seu caso.

Se tem perda dentária o Cartão Dental Premium é uma excelente opção para si. Agende sua avaliação oral sem custos.

2 Replies to “Como a estética é afetada pela perda dentária”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *